Diabetes gestacional, o que é, alimentação

A diabetes gestacional é algo que as grávidas devem ter muita atenção, se você está pensando em engravidar ou já está grávida não deixe de conferir esse artigo, temos um assunto importante para tratar.

Essa é uma condição caracterizada pelo aumento dos níveis de glicose no sangue, a ocorrência é pequena, apenas 4% em todas as gestações, mesmo assim é importante ficar muito atento.

Para te tranquilizar já devemos falar que a diabetes gestacional geralmente se cura após o parto, mas mesmo assim, é importante ter muito cuidado durante esse tempo, até mesmo para que ela cure após o nascimento do bebê. As mulheres com diabetes gestacional correm risco de desenvolver diabetes tipo 2, por isso acompanhe o artigo, saiba os cuidados que deve ter e faça um acompanhamento médico.

Como se desenvolve e como tratar

Ainda não se sabe exatamente como a diabetes gestacional se desenvolve, a diabetes normal ocorre por causa do pâncreas, quando ele não é mais capaz de produzir quantidade suficiente do hormônio insulina.

A insulina é essencial para nosso corpo, a falta dela pode até matar. O que se sabe é que durante a gravidez a placenta produz altos níveis de diversos hormônios, esses hormônios podem prejudicar a ação da insulina nas células.

Assim o nível de açúcar no sangue aumenta muito, ou seja, já é natural e normal esse tipo de aumento de açúcar. O problema é quando as grávidas não se alimentam da forma correta e acabam comendo mais doces e alimentos cheios de açúcar. Com isso o nível de açúcar no sangue aumenta ainda mais, nesse caso é necessário ter uma alimentação bem restrita de doces para não afetar a gravidez.

Diabetes na Gestação

Se a diabetes gestacional não for controlada o nível de açúcar no sangue da mãe pode afetar o crescimento e o bem-estar do bebê. No geral o problema aparece na segunda metade da gravidez. Os médicos não sabem exatamente como ocorre a diabetes gestacional, mas já sabem que existem algumas mulheres com mais risco de desenvolver a doenças, mulheres com histórico familiar de diabetes tem mais chance de ter a doença durante a gravidez, por exemplo.

Outro fator que pode influenciar é a idade, mulheres mais novas tem menor chance de desenvolver a diabetes gestacional. As grávidas que já tiveram diabetes em outras gestações também são mais propícias, veja outros fatores que podem desenvolver o problema:

Ter tido bebês que nasceram com mais de 4 kg;
● Ganho excessivo de peso;
● Já ser obeso;
● Tolerância à glicose diminuída ou glicemia de jejum alterada;
● Aumento do líquido amniótico.

Se está entre os fatores de risco é bom ficar atenta, por isso tenha uma alimentação balanceada e tente controlar a quantidade de açúcar que ingere. Se você já está apresentando o problema é importante fazer uma consulta médica, é seu médico que vai fazer a orientação quanto a alimentação correta e demais tratamentos e cuidados que deve ter.

As mulheres grávidas que não têm o problema devem ficar atentas e aderir a uma alimentação mais correta.

Procure um nutricionista – Fazer uma consulta com o nutricionista é essencial, mesmo antes de engravidar, dessa forma você já vai aderir a uma alimentação mais saudável e equilibrada. Você vai poder evitar não só a diabetes gestacional como outros problemas.

Prefira o açúcar natural

 Sabe aquela vontade de comer doce? Você pode saciar essa vontade comendo uma fruta mais doce no lugar de um chocolate, por exemplo. Se não abre mão do chocolate, coma o amargo.

Dê preferencia para o açúcar mascavo

 Esse é o melhor tipo de açúcar, por isso comece a trocar o açúcar normal e branco por esse, além disso, essa troca pode ser para o resto da sua vida.

No mais fique sempre em alerta e cuide da sua saúde e da saúde do bebê, faça o pré natal corretamente e garanta uma gravidez sem riscos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here